Servidores públicos de Florianópolis fazem manifestação contra reforma da previdência municipal

Foto: sintrasem

Os servidores municipais de Florianópolis, organizados pelo Sintrasem (sindicato) realizaram nesta quarta (29) uma manifestação contra a reforma da previdência municipal, em frente à câmara de vereadores da capital catarinense.

O projeto seria votado nesta quarta, mas diante da pressão dos servidores, acabou recebendo emendas e não foi votado em plenário, sendo remetido a comissões da câmara para tramitação.

Em nota o sindicato dos servidores municipais explicou que “ainda que o PLC tenha sido sorrateiramente incluído na pauta no fim da tarde de terça, a categoria montou, de ontem para hoje, uma intensa mobilização de repúdio ao confisco de 3% dos salários em meio à pandemia. Neste momento em que a classe trabalhadora só tem o serviço público para enfrentar a pandemia que aprofunda a crise econômica e sanitária no país o governo Gean arquiteta um duro ataque contra os que cuidam da vida do povo.”

Ele concluíram exigindo a retirada do projeto de pauta “o Sintrasem seguirá mobilizando a categoria e continuará enfrentando esta reforma vergonhosa – na Câmara, nas ruas, nas redes sociais ou nos locais de trabalho!”