SITE DA CORRENTE O TRABALHO DO PT - TENDÊNCIA INTERNA DO PARTIDO DOS TRABALHADORES - SEÇÃO BRASILEIRA DA 4ª INTERNACIONAL -
CORRENTE O TRABALHO DO PT

Depois da Greve Geral, todos ao 1º de maio!

30 de abril de 2017
atos por diretios 1 de maio

Defender os direitos e a nação:

Fora Temer! Antecipação das Eleições! Lula Presidente! Constituinte Soberana!

Cem anos depois da primeira greve geral ocorrida no Brasil, em São Paulo, Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro; cem anos depois da eclosão da Revolução Russa, que levou ao poder pela primeira vez na história os trabalhadores em luta pelo socialismo, este ato de 1º de Maio de 2017 se dá após o 28 de abril que foi a maior greve geral já feita no Brasil.

De norte a sul do país a classe trabalhadora aderiu ao chamado da CUT em unidade com as demais centrais sindicais e fez greve e manifestações para dizer “Não” ao desmonte da Previdência e das leis trabalhistas, para dizer “Não à terceirização ilimitada!

Os direitos sociais e trabalhistas fazem parte da democracia, que hoje é pisoteada com a existência de um governo usurpador que é repudiado pela esmagadora maioria do povo brasileiro.

E, no dia seguinte ao 29 de abril, na cidade de Rio Grande (RS), em Ato Público “Em Defesa do Polo Naval, Em Defesa do Conteúdo Local”, Lula afirmou que é candidato a presidente e que não podemos pedir para o povo esperar 2018. No mesmo ato, o presidente da CUT, Wagner Freitas ligou o movimento chamado pela CUT ao “Fora Temer, Eleições Já e Constituinte”.

Tudo está aí colocado. As cartas estão sobre a mesa: os desempregados, no maior nível registrado, passam de 14 milhões; Temer só está lá para fazer o que os grandes capitalistas exigem; os trabalhadores deram uma clara demonstração de que não aceitaram que esse governo e essas instituições podres mexam nos nossos direitos.

Por isso, nossa tarefa é na unidade, derrotar as contrarreformas de Temer e abrir o caminho para dar a palavra ao povo, pela antecipação de eleições.

Nossa alternativa é Lula Presidente com uma Constituinte que anule as medidas deste Congresso Nacional corrupto e golpista, abrindo caminho para as verdadeiras reformas  populares.

Viva o 1º de maio, dia internacional de luta da classe trabalhadora!



Outras publicações

22 de setembro de 2017

Em troca de brutais cortes de gastos sociais e aumento de receitas (incluindo privatizações e aumento de impostos), o Estado do Rio de Janeiro obteve do governo federal um “socorro” chamado de “plano de recuperação fiscal”. No acordo anunciado no início de setembro, o primeiro passo do plano é a concessão no próximo mês de […]


21 de setembro de 2017

No dia 1º de setembro foi lançado o Projeto de Lei de Iniciativa Po­pular que exige um plebiscito oficial sobre as concessões e privatizações que o prefeito Dória (PSDB) pretende fazer na cidade com os equipamentos públicos. O objetivo da campanha “São Paulo não está à venda” é reco­lher 177 mil adesões, para enviar o […]


20 de setembro de 2017

Por ocasião da retirada das tro­pas da Minustah, entrevistamos David Oxygène, membro do Movi­mento de Liberdade, Igualdade dos Haitianos pela Fraternidade (Mole­ghaf) e da Coordenação Haitiana pela retirada das tropas da ONU. David é um dos aderentes, no Hai­ti, da preparação da 9º Conferência Mundial Aberta (Argel, de 8 a 10 dezembro), convocada pelo Acordo […]


SITE DA CORRENTE O TRABALHO DO PT - TENDÊNCIA INTERNA DO PARTIDO DOS TRABALHADORES - SEÇÃO BRASILEIRA DA 4ª INTERNACIONAL -