Repórter negro da CNN é preso enquanto estava “no ar” em protesto por assassinato de George Floyd

O racismo e opressão escancarados que levaram ao assassinato de George Floyd continuam. Agora um repórter negro da CNN foi preso ao vivo enquanto cobria as manifestações em Minneapolis.

As manifestações que começam a ganhar os EUA ocorrem justamente em função do assassinato brutal de George Floyd, homem negro morto por um policial que ajoelhou em seu pescoço até sufoca-lo.

O reporter Omar Jimenez foi algemado pelos policiais durante uma transmissão ao vivo neste dia 29 mesmo depois de ter se identificado.

 

Artigo anteriorCentenas de milhares de mortos, milhões de desempregados e os bilionários mais bilionários
Próximo artigoTrabalhadores da limpeza urbana em Florianópolis em assembleia decidem Estado de Greve