SITE DA CORRENTE O TRABALHO DO PT - TENDÊNCIA INTERNA DO PARTIDO DOS TRABALHADORES - SEÇÃO BRASILEIRA DA 4ª INTERNACIONAL -
CORRENTE O TRABALHO DO PT
nacional
9 de outubro de 2017

Neste dia 3 de outubro, em comemoração aos 64 anos da Petrobras, maior empresa pública do país, aconteceu, na cidade do Rio de Janeiro, o ato em defesa das empresas públicas. Com a presença de Lula, o ato contou com a participação de 10 mil manifestantes, militantes de movimentos sindicais e sociais. A CUT, presença majoritária, mobilizou diferentes categorias, com destaque para os petroleiros e os eletricitários. A CTB também esteve presente, além da UNE, MST, Frente Brasil Popular, Frente Povo Sem Medo, o Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) e uma delegação de[...]

6 de outubro de 2017

É preciso mobilização unitária para acabar com o governo da Monarquia A violenta repressão de 1º de outubro contra o direito do povo catalão decidir tem sua raiz na constituição do Estado Espanhol, que não é uma nação mas a composição de diferentes povos, todos oprimidos por um regime baseado na Monarquia. Suas instituições – exército, justiça, administração, Igreja Católica – foram moldadas para se colocar contra os direitos democráticos dos povos e os direitos sociais dos trabalhadores. Reproduzimos trechos da Declaração do POSI-Partido Operário Socialista[...]

28 de setembro de 2017

Até aí, normal. A pergunta é: o que a CTB faz com essa gente? O golpista Temer recebeu no Palácio do Planalto cinco Centrais sindicais – Força Sindical (FS), Central de Sindicatos Brasileiros (CSB), Central dos Trabalhadores e das Trabalhadoras do Brasil (CTB), União Geral dos Trabalhadores (UGT), Nova Central – e empresários capitaneados por Paulo Skaf, presidente da Federação das Indústria de São Paulo, a Fiesp, no dia 12 de setembro. A CUT não participou desse circo. No mesmo dia, foi publicado em jornal de grande circulação um informe publicitário dessas centrais em[...]

26 de setembro de 2017
lula-cruz-das-almas-20170818-0001

Em entrevista concedida à Rádio Trianon neste dia 26 de setembro, Lula disse estar convencido da necessidade de uma constituinte para revogar as medidas de Temer e do congresso Golpista. Respondendo à pergunta do jornalista Paulo Moreira Leite, enquanto condenava a emenda constitucional 95 que congela os gastos por 20 anos, Lula deu a seguinte declaração: “Nenhum governo tem o direito de definir gastos ou limitar gastos por 20 anos.[...]

26 de setembro de 2017

Objetivo é apresentar um Projeto de Lei de Iniciativa Popular A Central Única dos Trabalhadores (CUT) lançou em todo o país a Campanha pela revogação da Reforma. O objetivo é colher 1,3 milhão de assinaturas para um Projeto de Lei de Iniciativa Popular que propõe a revogação da Reforma Trabalhista, aprovada em junho e que entra em vigor em 11 de novembro e representa um duro golpe nos direitos dos trabalhadores. O projeto de lei propõe também a revogação da lei da terceirização aprovada em março deste ano. Em Salvador, o presidente da CUT-BA Cedro Silva disse que “a CUT[...]

25 de setembro de 2017

Em agosto o presidente do CNPq (agência de fomento à ciência do governo federal) anunciou que o dinheiro “acabou” e não tinha mais recursos para pagar as cerca de 40 mil bolsas de pesquisa para os pós­-graduandos em 2017. Os estudantes de pós-graduação se mobilizaram junto com a ANPG face a essa ame­aça. Entidades científicas como a Sociedade Brasileira para o Progres­so da Ciência (SBPC) e a Academia Brasileira de Ciência (ABC) também pressionaram o governo pelos R$ 570 milhões necessários para pagar as bolsas neste ano. Depois da mobilização os golpistas liberaram 100[...]

22 de setembro de 2017

Em troca de brutais cortes de gastos sociais e aumento de receitas (incluindo privatizações e aumento de impostos), o Estado do Rio de Janeiro obteve do governo federal um “socorro” chamado de “plano de recuperação fiscal”. No acordo anunciado no início de setembro, o primeiro passo do plano é a concessão no próximo mês de um empréstimo para pagamento de contas atrasadas – a fornecedores e salários de servidores. Depois, ainda este ano, o Rio obterá uma moratória temporária de R$ 5 bilhões na dívida com a União. No total, entre 2017 e 2020, estão previstos R$ 11[...]

21 de setembro de 2017

No dia 1º de setembro foi lançado o Projeto de Lei de Iniciativa Po­pular que exige um plebiscito oficial sobre as concessões e privatizações que o prefeito Dória (PSDB) pretende fazer na cidade com os equipamentos públicos. O objetivo da campanha “São Paulo não está à venda” é reco­lher 177 mil adesões, para enviar o pedido à Câmara de Vereadores e obrigar que cada proposta de concessão ou privatização seja submetida à consulta popular. Já no dia 1º de setembro milhares de paulistanos aderiram. O prefeito quer privatizar ou conce­der terminais de ônibus,[...]

20 de setembro de 2017

Por ocasião da retirada das tro­pas da Minustah, entrevistamos David Oxygène, membro do Movi­mento de Liberdade, Igualdade dos Haitianos pela Fraternidade (Mole­ghaf) e da Coordenação Haitiana pela retirada das tropas da ONU. David é um dos aderentes, no Hai­ti, da preparação da 9º Conferência Mundial Aberta (Argel, de 8 a 10 dezembro), convocada pelo Acordo Internacional dos Trabalhadores (AcIT). Várias jornadas de luta em defesa da soberania do Haiti, pela retirada das tropas da ONU, foram organizadas numa campanha inter­nacional levada pelo AcIT. Campa­nha que teve seu[...]

17 de setembro de 2017

“Putrefação da instituição”, reconhece Gilmar Nas últimas semanas, o Procura­dor-geral da República (PGR) Rodrigo Janot, engrossou e improvisou denúncias, para tentar se safar do fiasco das “delações premiadas” de Joesley Batista/Ricardo Saud. E também o ministro do STF, Gilmar Mendes, subiu o tom contra a PGR acusando a “putrefação da institui­ção”. O próprio STF “corre o risco de se ver conspurcado” por seu colega, Facchin, que avalizou tudo que Janot fez. Acrescentemos, consultando a presidente da corte, Carmen Lúcia. Gilmar tem razão. O que não[...]

TODOS AS NOTÍCIAS DESTA EDITORIA
SITE DA CORRENTE O TRABALHO DO PT - TENDÊNCIA INTERNA DO PARTIDO DOS TRABALHADORES - SEÇÃO BRASILEIRA DA 4ª INTERNACIONAL -