CUT, UNE, MST e mais mil entidades entregam pedido de Impeachment. Deputados do PT vão apresentar no Congresso

Foto Gabriel Paiva

Um ato em Brasília com a participação de dezenas de representantes de organizações sindicais, movimentos estudantis e populares marcou nesta terça (14) a entrega de um pedido de impeachment de Bolsonaro assinado por mais de mil entidades.

O pedido foi entregue aos deputados Carlos Zarattini, Erika Kokay, Paulo Pimenta e Natália Bonavides, todos do Partido dos Trabalhadores (PT), e deve ser brevemente entregue ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM).

Para o secretário-geral do Sindsep-DF (Servidores federais), Oton Pereira Neves “é um documento importantíssimo, pois traz a assinatura de representantes de mais de mil entidades e organizações da sociedade civil. Mas não acreditamos que o processo de impeachment se dará de maneira tão fácil, por isso, é muito importante a nossa presença nos atos, sempre respeitando as regras sanitárias para evitar a propagação da Covid-19”, afirmou.

O deputado Paulo Pimenta também apontou a necessidade de mobilização para que o processo de impeachment vá em frente na Câmara. “Não existe outro caminho que não seja da luta, da organização e da resistência popular para derrotar esse governo genocida e criminoso de Bolsonaro e da gangue de milicianos que tomaram de assalto o país”, disse o deputado.

Artigo anteriorAto em Cáceres, em Mato Grosso, pede “Fora Bolsonaro”
Próximo artigoEleição na França: rejeição!