Em assembleia virtual trabalhadores rodoviários da Bahia decidem greve

O presidente do sindicato Helio Ferreira

O sindicato dos trabalhadores rodoviários da Bahia (CUT) realizou neste dia 19 de maio uma assembleia virtual com os trabalhadores que autorizou o sindicato a marcar uma greve por tempo indeterminado a hora que a diretoria considerar necessária.

Na segunda feira dia 26 de maio a categoria voltará a se reunir por meios virtuais para decidir se inicia ou não uma paralisação.

O sindicato da categoria explica que o motivo da greve é que as negociações com as empresas em relação à campanha salarial estão emperradas e que até o momento 5 trabalhadores já perderam a vida, vítimas do coronavírus. Eles exigem que as medidas sanitárias para garantir o trabalho seguro sejam implementadas adequadamente, como distribuição de novas máscaras, aferição da temperatura e a implantação de uma barreira acrílica nos coletivos.

Artigo anteriorEdição n° 3 do Jornal O Trabalho – 20 de Junho de 1978
Próximo artigoSindicatos denunciam militarização do Ministério da saúde no Jornal Nacional